#MaioAmarelo - Entre Neste Movimento Pela Vida Você Também


Em 2010, a Assembléia-Geral das Nações Unidas editou uma resolução definindo o período de 2011 a 2020 como a década de ações para a segurança no trânsito. Daí surgiu o movimento ‘Maio Amarelo’, uma ação de atenção pela vida, coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil.

Acompanhando o sucesso de outros movimentos, como o ‘Outubro Rosa’ e o ‘Novembro Azul’, ambos com foco nos temas câncer de mama e próstata, o Maio Amarelo tem a proposta de levantar a bandeira da segurança o ano inteiro, e não apenas no mês de maio. O objetivo é chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes no trânsito em todo o mundo e estimular os cidadãos, as empresas e organizações a promoverem atividades e debates de conscientização sobre o tema.

A intenção da ONU com a “Década de Ações para a Segurança no Trânsito” é poupar, por meio de planos nacionais, regionais e mundial, cinco milhões de vidas até 2020.

O Grupo Farrapos aderiu à campanha por meio da frequente divulgação de conteúdo sobre segurança nas estradas em seus canais de comunicação. Além disso, a operadora logística investe e incentiva ações de segurança e treinamento junto aos seus motoristas, para que eles façam suas viagens com tranquilidade e preparados para qualquer eventualidade. Os sistemas de rastreamento móvel urbano e por satélite adotados pela empresa também promovem mais segurança na estrada, uma vez que eles também monitoram a condução do veículo pelos motoristas.

Para percorrer com segurança as estradas do país, assegurando a tranquilidade dos profissionais e daqueles que transitam por elas, o Grupo Farrapos também investe constantemente na renovação, modernização, diversificação e ampliação da sua frota, atualmente com idade média de cinco anos. A empresa se preocupa com a padronização da frota própria e da rede de distribuição, mantendo um controle rígido sobre a manutenção preventiva, conservação dos veículos, treinamento e reciclagem dos motoristas, valorizando, assim, os profissionais, o meio ambiente, os clientes e o trânsito em geral.

Dados preocupantes

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que, se nada for feito, cerca de 1,9 milhão de pessoas devem morrer no trânsito em 2020 (passando da nona para a quinta maior causa de mortalidade) e 2,4 milhões, em 2030.

O Brasil aparece em quinto lugar entre os países recordistas em mortes no trânsito, precedido por Índia, China, EUA e Rússia e seguido por Irã, México, Indonésia, África do Sul e Egito. Juntas, essas dez nações são responsáveis por 62% das mortes por acidente no trânsito.

A OMS registrou, em 2009, cerca de 1,3 milhão de mortes por acidente de trânsito em 178 países. São três mil vidas perdidas por dia nas estradas e ruas. Os acidentes de trânsito já representam um custo de US$ 518 bilhões por ano ou um percentual entre 1% e 3% do PIB (Produto Interno Bruto) de cada país.

Saiba mais sobre como participar do Movimento Maio Amarelo em http://maioamarelo.com/. Adote você também esta ideia!

Vídeo: Movimento Maio Amarelo

Siga
  • Black Facebook Icon
  • Black LinkedIn Icon
Assine
Tags